Pessoas

Cláudia Vieira

Apresentamos-lhe um olhar sobre uma das mulheres mais bonitas e bem sucedidas da indústria da moda - Cláudia Vieira.

by  Olivia Sousa

Conteúdo

Portugal não tem apenas praias maravilhosas com areia limpa e um clima quente e agradável, mas também mulheres exuberantes e saudáveis. Da enorme lista de beldades destaca-se a fotomodelo e atriz Cláudia Vieira, que conseguiu alcançar um sucesso vertiginoso não só devido à sua atração natural, mas também graças ao abismo de sensualidade e ao sentido de estilo inato.

Nome completo

Cláudia Patrícia Figueira Vieira

Idade

45 anos

Ano de nascimento

1978

Local de nascimento

Loures, Portugal

Nacionalidade

Portuguesa

Altura

1,77

Peso

64 kg

Parâmetros

cintura: 25 polegadas, ancas: 37 polegadas, seios: B

Ramo de atividade

Apresentadora de televisão, modelo, atriz

Biografia de Cláudia Vieira

Cláudia Patrícia Figueira Vieira nasceu a 20 de junho de 1978 em Loures, Portugal. É o quinto concelho mais populoso do país, bastante provinciano, mas ao mesmo tempo agradável e tranquilo. Cláudia cresceu no seio de uma família católica. Os seus pais são Suzette Vieira e António Vieira. Cláudia tem também um irmão e uma irmã: Sérgio e Karina Vieira. As informações sobre eles estão a ser ocultadas.

Vida pessoal Cláudia Vieira

Cláudia casou-se pela primeira vez em 2005. O seu escolhido foi Pedro Miguel Ferreira Teixeira - ator português, protagonista de melodramas e comédias. Conheceram-se no verão de 2004, durante as filmagens da segunda temporada da série "Morangos com Açúcar". O favorito era dois anos mais novo do que Cláudia, mas isso não impediu que o casal vivesse lado a lado durante quase dez anos. Em outubro de 2009, o casal divulgou um comunicado à comunicação social, no qual informava o público da gravidez de Cláudia. No dia 5 de abril de 2010, nasceu uma menina de 2620 gramas, de cesariana, no Hospital da Luz. A menina recebeu o nome de Maria. O parto foi assistido pelo próprio Pedro Teixeira.

Pedro Teixeira e Cláudia Vieira

Pedro Teixeira e Cláudia Vieira

Foto da Internet

Os actores separaram-se em 2014 por mútuo consentimento: nessa altura, o amor já se tinha esgotado, e um e o outro já tinham formado relações fora da união matrimonial. Pedro teve um caso com outra beldade portuguesa - a produtora e atriz Cristina Maria Jorge Ferreira, e Cláudia apaixonou-se pelo empresário João Alves. Pedro e Cláudia separaram-se pacificamente e mantiveram uma relação de amizade. No mesmo ano, Vieira casou-se novamente e continua a viver no casamento até à data. No dia 1 de dezembro de 2019, deu à luz a sua segunda filha, Caetana.

A atriz leva uma vida ativa. Para estar em forma e parecer jovem, pratica regularmente ioga e fitness, frequenta piscinas e spas, segue uma dieta rigorosa e gosta muito de alimentos naturais. A Cláudia sabe conduzir um barco e andar a cavalo. Tenta incutir nas suas filhas os seus hábitos saudáveis.

Cláudia adora animais e ajuda os abrigos de animais. Tem em casa um Labrador retriever chamado Spinny.

Carreira de Cláudia Vieira

Carreira de modelo

De pernas compridas e corpo esculpido, Cláudia percebeu desde cedo a área em que queria trabalhar. Gostava dos olhares de admiração e dos aplausos, o carácter da rapariga era trabalhador e persistente, pelo que, logo após a escola, enveredou pela carreira de modelo e não abandonou esta atividade mesmo após o início das filmagens no cinema. Foi convidada pelas principais casas de moda para participar nos desfiles das suas colecções de roupa e acessórios, e as fotografias de Cláudia não saíram das capas de revistas populares como a "FHM" e a "GQ" (Gentlemen's Quarterly). Em 2004, Cláudia Vieira assinou um contrato plurianual com o construtor automóvel francês Renault e, até 2009, foi filmada anualmente para folhetos publicitários e spots televisivos.

Modelo Cláudia Vieira

Modelo Cláudia Vieira

Foto da Internet

A revista Glamour nomeou-a a atriz viva mais sexy em 2024, publicando uma fotografia sua na sua edição de janeiro. Em 2023, a mesma revista publicou uma lista das 100 mulheres mais sexy, encabeçada por Claudia.

Carreira na televisão

Em 2003, Cláudia experimentou a carreira de apresentadora de televisão no reality show de talentos Ídolos, onde passou da 3ª à 5ª temporada. O apresentador João Maria Manzarra partilhou numa entrevista ao Jornal de Notícias que estava muito feliz com a parceira que lhe foi escolhida. Chamou a Cláudia uma rapariga com um grande coração e uma boa alma, simpática e muito generosa. Os outros participantes do projeto também falaram dela da mesma forma.

Em 2005, Cláudia mudou-se para a DeLuxe, tendo também protagonizado o documentário "Episódio Especial".

Até 2018, Cláudia participou em mais dois projectos: "Caia Quem Caia" e "Só Visto!". O projeto "Caia Quem Caia" foi um calaca do projeto argentino com o mesmo nome e durou apenas uma temporada aos sábados.

Filmografia

Na indústria cinematográfica Claudia chegou em 2009. À rapariga de pernas longas e olhos castanhos foram inicialmente confiados apenas episódios: o seu primeiro trabalho de estreia foi um papel na série "Morangos com Açúcar", onde a sua personagem - Ana Luísa Rochinha - apareceu brevemente na segunda temporada em 2004. A série destinava-se a um público adolescente e foi muito apreciada pelos jovens portugueses, mas para Cláudia, esse papel não foi um ponto de viragem. A fama estava à sua frente.

No mesmo ano, foi oferecido à rapariga outro papel episódico: o papel de uma passageira de navio no thriller mexicano "Marea Alta". Aparecendo em vários episódios, Cláudia acabou por reforçar o seu desejo de continuar a filmar e assinou um contrato com um agente que iria estabelecer contactos na indústria cinematográfica.

Dois anos mais tarde, a rapariga apareceu na telenovela portuguesa "Fala-me de Amor", no papel de Lara Moreira, e em 2008 - na série "Talvez o fim do mundo" (Vitória Del Pilar), onde desempenhou um papel de apoio de pleno direito. Estas foram as chamadas filmagens de passagem, que não permitiram receber grandes honorários ou reclamar prémios, mas também não permitiram que Cláudia desaparecesse do campo de visão dos produtores. Ao mesmo tempo, a rapariga continuou a filmar para publicidade, a coreografar e a ter aulas de artesanato de palco com professores privados.

E só em 2009 é que lhe foi finalmente confiado um papel de destaque no thriller policial "Contrato". Cláudia interpretou uma assassina de aluguer, Julia, que, fazendo-se passar por enfermeira, penetrou na enfermaria de Peter McShade (Pedro Lima) e, inesperadamente, se apaixonou por aquele que tinha de destruir. Era já um papel de pleno direito, e o filme teve uma boa classificação nos boletins portugueses.

Cláudia por signo do zodíaco - Capricórnio, e as características mais marcantes deste signo são a persistência e a espantosa eficiência. Por isso, não é raro que uma rapariga participe em vários projectos ao mesmo tempo. As filmagens do "Contrato" foram combinadas com as filmagens de uma série de duas partes "A Vida Privada de Salazar": sobre a vida do ditador português António de Oliveira Salazar, onde desempenhou o papel de uma das fãs. E ainda - no drama "Second Life", em que a sua personagem tinha o mesmo nome - Cláudia. Foi este papel que mostrou que Cláudia pode interpretar não só raparigas frívolas e sedutoras luxuosas de homens, mas também personagens mais profundas com uma vasta gama de emoções.

O drama psicológico de uma hora e meia "Dores e Amores", em 2010, reuniu os actores mais brilhantes e bonitos de Portugal. A Cláudia juntou-se no filme a Giselle e Michel Batista, Kaiki Brito e Carlos Casagrande. Com alguns deles, Cláudia mantém uma relação de amizade até aos dias de hoje.

Rosa Fogo - Promo Casamento - Novela SIC - 2011

2011 - e novamente o papel principal. Desta vez, na série "Rosa Fogo". A história é simples: no centro do enredo - o clã familiar Mayer, nas mãos do qual se concentra a gestão do império farmacêutico. Cláudia Vieira interpreta a neta mais velha, uma dançarina de flamenco que, juntamente com a avó e a irmã, tenta resistir a um sedutor ardiloso que quer ficar com o negócio da família. O filme sobre três mulheres fortes, nalguns aspectos engraçado, noutros sábio, esteve algumas semanas no topo das audiências das séries de televisão em Portugal. Para filmar esta série, Cláudia preparou-se cuidadosamente: evitou o sol forte e as praias, deixou crescer o cabelo.

Não vou mudar radicalmente o meu aspeto e deixar a minha imagem e o meu penteado actuais. Como a minha personagem é uma bailarina, muito inteligente e liberta, está próxima de mim em espírito e acredito sinceramente que este papel me vai correr bem.

A telenovela portuguesa "Sol de inverno", que Cláudia protagonizou entre 2013 e 2014, foi transmitida na SIC durante o ano. Outra série para mulheres, embora não tão popular como Rosa em Chamas, foi, no entanto, bem recebida pelo público. A heroína Andreia Teles de Aragão repensa o passado e recicla os seus erros na tentativa de construir um futuro ideal para si.

Cláudia interpretou a rapariga Beatriz na série "Mar Salgado", a bela Laura em "Coração d'Ouro", Helena em "Rainha das Flores" e Teresa Calvaro em "Paixão", que decorreu entre 2014 e 2015.

Em 2018, foi lançada a série "Alma e Coração", na qual Cláudia interpretou a fugitiva Benedit, que é obrigada a abandonar a sua antiga vida e a esconder-se num circo itinerante. Depois de viajar por vários países, Bénédite regressa à sua terra natal, mas o seu passado volta a assombrá-la. O produtor Francisco Barbosa elogiou muito o trabalho de Cláudia, enaltecendo a sua capacidade de representação e, sobretudo, a sua capacidade de trabalho: na preparação para o papel, a atriz dedicou-se durante muito tempo ao treino físico e fez uma dieta rigorosa.

Patrícia Sequeira convidou a atriz para o seu projeto "Um Desejo de Natal". Nas suas entrevistas, Cláudia recorda estas filmagens como particularmente calorosas e acolhedoras, de certa forma mágicas.

Em 2021, Cláudia fez um dueto com o famoso ator português Marco d'Almeida no filme "Na Porta ao Lado: Amor", bem como no filme "A Lista" realizado por Carlos Dante e Luis Pamplona.

O mais recente trabalho de Vieira até à data foi protagonizar a telenovela portuguesa "Lua de Mel", produzida pela SP Televisão e transmitida pela SIC. O filme estreou a 6 de junho e termina a 18 de novembro de 2022. Cláudia interpretou o papel de Dina Cruz e participou apenas nas duas primeiras temporadas.

Em 2024, a trágica notícia da morte da atriz espalhou-se pelas redes sociais. A página de Facebook "Claudia Vieira's R.I.P. Page" reuniu quase um milhão de gostos e muitos reposts numa questão de horas. A notícia foi avassaladora e se espalhou tão rapidamente pela web que os representantes da atriz tiveram que emitir um comunicado oficial dizendo que Claudia Vieira está viva e bem. "Ela junta-se a uma longa lista de celebridades que foram vítimas deste embuste. Ela ainda está viva e bem, parem de acreditar no que vêem na Internet", diz o comunicado à imprensa.

CLÁUDIA VIEIRA "Já enganaste ou foste enganada por alguém?" | É PRECISO TER LATA

Prémios Cláudia Vieira

Aos 47 anos, Cláudia acumula uma boa coleção de projectos e filmes de todo o tipo. A atriz não tem grandes prémios: talvez ainda tenha um longo caminho a percorrer. Nos últimos anos, Vieira filmou menos vezes do que na sua juventude, seleccionando cuidadosamente o repertório.

Redes sociais de Cláudia Vieira